×
Feira de Santana / 10 de abril de 2021 - 08H 58m

Carnês do IPTU 2021 começam a ser entregues pelos Correios

Os contribuintes feirenses têm até o dia 28 para pagar com desconto de 20% o Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), referente ao exercício de 2021. Os carnês já começaram a ser distribuídos pelo Correios.  Aqueles que ainda não receberam, e desejam fazer o pagamento antecipado, podem acessar o site www.sefaz.feiradesantana.ba.gov.br e fazer o download do boleto.  O secretário da Fazenda, Expedito Eloy, no entanto, afirma que o cidadão pode aguardar que irá receber o carnê em sua residência.  A contribuição pode ser parcelada em até oito vezes, sendo mantida a primeira fatura com vencimento em 28 de abril. O valor mínimo das prestações é de R$ 50.  A arrecadação retorna em investimentos ao município nas áreas da Saúde, Educação e Infraestrutura. “O desconto que a Prefeitura de Feira oferece para o pagamento do IPTU é o mais atraente do país. Não há cidade de mesmo porte que conceda esse percentual de desconto”, destaca Eloy.

Política / 10 de abril de 2021 - 08H 54m

Deputado reivindica inclusão dos rodoviários nos grupos prioritários da vacinação

O deputado estadual Angelo Almeida solicitou, por meio de indicação apresentada à Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), a inclusão dos rodoviários, que estejam em atividade, nos grupos de prioridades para serem vacinados contra a Covid-19. Segundo o parlamentar, os referidos profissionais lidam diariamente com a população, transportando-a e garantindo o direito de ir e vir. “Ocorre que, para que a população possa ser conduzida, estes profissionais encontram-se em constante exposição com grande probabilidade de contaminação pelo coronavírus”, justificou. Nesse sentido, Angelo afirma que garantir a vacina para os rodoviários é assegurar a diminuição da proliferação do vírus, preservando a saúde destes trabalhadores e de seus familiares e, como consequência, a saúde da população por eles transportada. “É sabido dos esforços do nosso Estado para minimizar os efeitos dessa terrível pandemia. A nós, legisladores, cabe o dever de buscar auxiliar o Governador nessa importante missão. É um dever coletivo garantir e respeitar a vacinação do público-alvo, para o alcance de melhores resultados”, concluiu o deputado.

Câmara de Feira / 09 de abril de 2021 - 13H 13m

Coelba pode ser proibida de cortar energia, em Feira, de sexta a domingo e em véspera de feriado

Poderá ser proibido por lei, em Feira de Santana, a suspensão do fornecimento de energia elétrica, por inadimplência do usuário, às sextas-feiras, no final de semana (sábado e domingo), em feriado e véspera de feriado. É o que versa o Projeto  número 39/2021, de autoria do vereador Correia Zezito (Patriota), em tramitação na Câmara Municipal, com primeira votação prevista para a sessão da próxima terça (13). Segundo a proposta, os usuários deverão ser informados pela companhia responsável pelo serviço (a Coelba), sobre o possível corte, com pelo menos, 72 horas de antecedência, para os moradores da zona urbana. Já os moradores da zona rural, devem ser informados sobre o possível desligamento com antecedência de, no mínimo, sete dias. O aviso de corte, seja pessoal ou postal, deve conter prova de recebimento por parte do consumidor. A suspensão do serviço só poderá ocorrer no horário compreendido entre 8h e 18h, de segunda a quinta-feira, na zona urbana. Já na zona rural, entre 8h e 14h.O projeto prevê também a isenção da taxa de religação, caso haja descumprimento da exigência de notificação prévia ao consumidor, fato que, uma vez comprovado, incidirá em aplicação de multa à concessionária, conforme regulamentação.

Foguetinhos / 09 de abril de 2021 - 09H 21m

Foguetinhos Velamados

Mal amado 

O novo secretário de saúde de Feira de Santana não é bem visto por servidores da pasta. Taxado de arrogante, o médico Marcelo Brito estaria transformando a secretaria em uma extensão do Hospital HTO, do qual é sócio, e usando funcionários privados em tarefas do município. Para piorar o clima, o secretário proibiu servidores de almoçar nas salas da secretaria e determinou que as refeições sejam feitas embaixo de uma escada.

Rua pela metade 

Moradores da rua Dr. Vicente dos Reis no bairro Papagaio não aguentam mais apelar por uma solução à prefeitura de Feira de Santana. Também conhecida como Avenida Quintas do Sol, a rua é paralela à avenida Fraga Maia e foi feita pela metade. Um trecho de cerca de 500 metros foi esquecido e segue sem pavimentação. Resta saber se o esquecimento foi proposital, ou se faltou competência/honestidade na medição.

Sem transparência 

Atitude louvável do vereador Galeguinho em doar todos os salários para a caridade. Mas, só falar que faz não é o suficiente; é necessário provar de forma transparente. Em janeiro, fevereiro e março o político neófito divulgou fotos nas redes sociais e os supostos destinos do dinheiro. Entretanto, não apresentou nenhuma nota fiscal ou comprovante de depósito que comprovasse a totalidade das doações.  A falta de transparência já começou a levantar suspeitas sobre a veracidade da boa ação.

Bom companheiro 

O deputado estadual Carlos Geilson assumiu o posto de “cão de guarda” do Governo Colbert. Mas, só quando o assunto é referente ao Governo Rui Costa.  Ressentido com o PT, Geilson tem saído em defesa do governo municipal sempre que alguma crítica é feita pelo grupo petista.  O tucano sonha em ser o “preferido” de Colbert na eleição de 2022.

Zero à esquerda 

Vice-prefeito é um cargo ingrato. É o segundo na linha sucessória municipal, mas não tem nenhum poder. No caso de Feira de Santana, o vice Fernando de Fabinho foi apresentado, durante a campanha, como um grande articulador político que ajudaria bastante o prefeito Colbert na gestão. Entretanto, o ex-deputado não tem tido influência no governo e muitas vezes nem suas ligações são atendidas pelo prefeito. Perto do poder, mas nem tanto.

Caça níquel  

Vereadores de Feira de Santana já começaram a temporada caça níquel. A tática é anunciar uma candidatura própria ou de parentes ao cargo de deputado para, futuramente, negociar desistência e anunciar apoio a outro postulante com mais chances de eleição. Tática antiga e sempre presente na Câmara feirense, que normalmente acaba em troca de cargos e favores financeiros.

Feira de Santana / 09 de abril de 2021 - 09H 00m

Feira recebe mais vacina e inicia agendamento dos idosos de 62 anos

A aplicação da primeira dose da vacina contra a Covid-19 em Feira de Santana volta a ser realizada nesta sexta, 09. Os idosos com 62 anos ou mais já podem agendar a vacinação na unidade de saúde mais próxima. A marcação permanece de acordo com a data de nascimento.  Quem nasceu entre 1º de janeiro a 30 de junho devem fazer o agendamento pela manhã, nas unidades de saúde. Os nascidos de 1º de julho a 31 de dezembro, no turno da tarde. A ampliação da faixa etária só foi possível devido a chegada de mais vacina. Foram 12.760 doses recebidas pela Rede de Frio da Secretaria Municipal de Saúde ontem (08). Estas vacinas já têm destino certo: serão 3.710 para serem utilizadas na aplicação da primeira dose em idosos (593), quilombolas (1.374) e trabalhadores de saúde (1.743). Outras 9.050 serão destinadas à segunda dose dos profissionais de saúde (1.177) e idosos (7.873), que vão completar o esquema de vacinação. A Secretaria de Saúde faz um alerta para aqueles que ainda não agendaram a segunda dose. É que a eficácia da imunização fica comprometida se não completar o esquema de vacinação. Neste momento crítico que é a pandemia da Covid-19, a vacina pode reduzir as chances de agravamento da doença, por isso é tão importante receber as duas aplicações.

Feira de Santana / 08 de abril de 2021 - 08H 02m

Em Feira, a cada 10 internados na UTI quatro morrem por Covid

O número de pacientes contaminados pela Covid-19 que dão entrada, em estado grave, na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Campanha de Feira de Santana continua alto. O médico Francisco Mota, diretor da unidade hospitalar, alerta que a cada 10 internados quatro não resistem às complicações provocadas pelo vírus. Outro dado preocupante é o número de leitos ocupados, sendo 28 dos 44 clínicos (média de 70%) e lotação nos de UTI. “A comunidade deve colaborar respeitando os protocolos preventivos, como distanciamento social e uso de máscara, principalmente jovens que estão sendo contaminados por novas variantes”, adverte. O médico também afirma que, atualmente, 5% da população feirense (cerca de 35 mil pessoas) foi diagnosticada com a doença, representando um sinal de alerta. “Se não tomarem cuidado, o índice pode subir até dez vezes devido a variante P1, por exemplo, possuir alto grau de letalidade”. Apesar disso, o médico tem esperança de que a vacinação possa reduzir os índices. Um novo estudo realizado com profissionais de saúde de Manaus aponta que a vacina CoronaVac tem 50% de eficácia contra P.1 (variante brasileira do coronavírus). “A vacina mantém o mesmo nível de eficácia de proteção contra uma nova cepa, trazendo impacto no controle da doença”.

Câmara de Feira / 08 de abril de 2021 - 07H 58m

Presidente da Câmara orienta aliados a aprovar, “na íntegra”, projeto que facilita pagamento de tributos

Em “confiança” ao secretário da Fazenda Expedito Eloy e sua “competente” equipe, ao prefeito Colbert Martins Filho e ao ex-prefeito José Ronaldo, o vereador Fernando Torres (PSD) orientou ao grupo de aliados na Câmara, nesta quarta-feira (7), pela aprovação do projeto do Poder Executivo que cria o Programa de Recuperação e Estímulo a Quitação de Débitos Fiscais no âmbito do Município. A matéria foi aprovada por unanimidade do plenário, em primeira e segunda discussões, em sessões extraordinárias realizadas pelo Legislativo. O presidente da Câmara diz que pesou, em sua decisão, uma conversa com Ronaldo: “Ele me convenceu de que esta equipe da Fazenda, vitoriosa nos últimos 20 anos da gestão municipal, merece a aprovação da proposta, integralmente”. O presidente afirma que não há “nenhuma negociação” política, da parte dos vereadores, em relação a este projeto. “Estou nesta Casa para contribuir com o Município, não para fazer oposição ao prefeito, nem puxar saco ou lhe ser subalterno”, adverte. Ao final do pronunciamento e após ouvir os argumentos dos vereadores oposicionistas do Governo, decidiu, regimentalmente, não acolher a tramitação de uma emenda de autoria do petista Sílvio Dias (PT) ao projeto. Fernando observa que a permissão para o Município isentar contribuintes em débito do pagamento de juros de mora e multa, e possibilitar o parcelamento dos tributos, vai aumentar a arrecadação, “possibilitando à Prefeitura trabalhar ainda mais”. Por sua vez, a Câmara, que enfrenta redução de recursos, também poderá recuperar, no próximo exercício, o que perdeu em 2021 – este mês de abril, a Câmara recebe R$ 400 mil a menos que o mesmo período do ano passado. Será, diz ele, fundamental para que a Casa possa futuramente voltar a investir em sua estrutura, reajustar o salário dos seus servidores e os próprios vereadores sejam contemplados com o novo subsídio, suspenso este ano.

Feira de Santana / 07 de abril de 2021 - 17H 18m

Governo do Estado diz que Feira de Santana está na 225ª posição em vacinação na Bahia

“É lamentável que o Prefeito Colbert Martins, continue dedicando seu tempo a criticar o Governo do Estado, ao invés de cuidar da saúde do seu município. Considerando o baixo percentual aplicado (91,6%), Feira de Santana está em 225º colocação no ranking de vacinação dos 417 municípios baianos”, a afirmação é da Secretaria Estadual de Saúde através de nota enviada à imprensa. Segundo a Sesab, foco inicial da pandemia da Covid-19 na Bahia, Feira de Santana já acumula mais de 35 mil contaminados, incluindo 616 óbitos. Numa série de decisões equivocadas sobre abrir e fechar o comércio, o prefeito hoje já não possui mais o controle da pandemia no seu município. “Prova da ausência de gestão na saúde é o fato de apesar de Feira de Santana ser o segundo município que mais recebeu doses de vacina no estado (76.499), ainda assim, não consegue vacinar a sua população no ritmo do resto do estado. Até ontem, apenas 70.075 pessoas haviam sido vacinadas em Feira (91,6%), restando ainda 6.424 doses sem serem aplicadas, deixando sua população exposta ao contágio pelo coronavírus. Apenas a título de comparação, entre os 10 municípios que mais receberam doses, Feira perde para Lauro de Freitas (107,5%); Camaçari (106,9%), Alagoinhas (103,1%), Salvador (100,8%), Vitória da Conquista (99,1%), Jequié (98,3%) e Ilhéus (96,7%)”, diz o texto.  Mais cedo, o prefeito Colbert Filho acusou o secretário de Saúde Fábio Villas Boas de atropelar a CIB (Comissão Intergestora Bipartite) e autoritariamente decidir sobre vacinas.
Câmara de Feira / 07 de abril de 2021 - 17H 05m

Vereador cita “racismo reverso” para justificar voto contra evento no Dia da Beleza Negra

A maioria dos vereadores presentes na Câmara de Feira aprovou a realização da solenidade em homenagem ao Dia Municipal da Beleza Negra e ao Dia Municipal do Sacerdote e Sacerdotisa de Religião de Matriz Africana. A apreciação aconteceu nesta quarta-feira (07), quando o requerimento do vereador Petrônio Lima (Republicanos) recebeu apenas um voto contrário e uma abstenção. A homenagem foi criticada pelo vereador Edvaldo Lima, que votou contrário ao requerimento, usando um esdrúxulo argumento de racismo reverso. “Por que não colocou aqui o dia da beleza branca, o branco não tem direito?”, questionou. Segundo ele, o Dia da Beleza Negra é discriminatório.  O edil, que é pastor evangélico e intolerante religioso, também questionou o fato do evento ser promovido pelo Odungê (Núcleo Cultural Educacional e Social Quilombola), que segundo ele é de candomblé.  “Ainda mais que é promovido por um grupo chamado de Odungê”, reclamou.  Em reação ao pronunciamento de Edvaldo, o vereador Jhonatas Monteiro (PSOL) afirmou que, diferente do que acontecia antes na Câmara de Feira, esse tipo de discriminação e preconceito não ficariam mais sem resposta. “Pra o vereador Edvaldo Lima, que parece que não frequentou as aulas de história do país, que desconhece o bê-a-bá mais simples daquilo que é o nosso país, pra vir afirmar que o que divide o a nossa sociedade é reivindicar valorização pra negros e negras, é desconhecer que o que nos divide é a persistência do racismo, que a fala dele é só mais um exemplo. Então, se a gente assume aqui o uso da tribuna, tem que ter coragem de assumir nossas posições sem subterfúgio, sem dar volta, se é racista, tem que dizer que é”. Após a sessão, o Jhonatas voltou a se pronunciar no Twitter. “Infelizmente, precisei rebater uma fala racista do vereador Edvaldo Lima. É revoltante, mas farei sempre que necessário: acabou o tempo da Câmara Municipal como espaço livre para discurso de ódio. Racismo, intolerância religiosa e outras violências não ficarão sem resposta”, escreveu. O vereador petista Sílvio Dias também foi duro ao rebater as declarações de Edvaldo.  “O vereador Edvaldo Lima comente talvez o maior dos crimes, negar a sua origem, negar o maior crime desse país que foi a escravidão. É não reconhecer os crimes sexuais, morais, físicos praticados contra a população negra”, bradou.  Não satisfeito, Edvaldo  pediu que fossem registrados os nomes dos vereadores evangélicos que votaram a favor do requerimento.  Como previsto no documento, a solenidade deverá acontecer no mês de setembro. O evento é promovido pelo Odungê (Núcleo Cultural Educacional e Social Quilombola), presidido por Maria Lourdes Souza Santana. O autor da solicitação, vereador  Petrônio Lima, destaca que o objetivo da solenidade é incentivar a auto estima e enaltecer a beleza negra. Ele acredita que é uma iniciativa importante no combate à discriminação e promoção da igualdade. “A cor da pele não diz sobre o caráter de ninguém e não diz se o indivíduo é bom ou ruim. Deus criou o homem a Sua imagem e semelhança, sem distinção de raça e cor”.

Feira de Santana / 07 de abril de 2021 - 10H 05m

Secretário bloqueia vacinas para o interior do Estado, diz Colbert

“O secretário de Saúde Fábio Villas Boas atropelou a CIB (Comissão Intergestora Bipartite) e autoritariamente decidiu sobre vacinas que não são dele, não são do Estado”. Protestou o prefeito de Feira de Santana, Colbert Martins, contra a decisão do secretário em não distribuir 40 mil doses contra a Covid 19, armazenadas em Simões Filho.   Numa gravação de Whatsapp, o secretário pede que a diretora da CIB, Stela dos Santos Souza, explique aos secretários de Saúde dos municípios que as 40 mil doses não serão distribuídas por se tratar de uma “quantidade muito pequena”. Villas Boas acrescenta na gravação que todas deverão ser usadas em Salvador. “Não é uma decisão que cabe ao secretário. Se fosse o caso, isso teria que ser uma decisão da CIB, que, sendo assim, foi desrespeitada por ele. Mais uma vez, o secretário tenta prejudicar a vacinação em Feira de Santana, bem como em outros municípios”, argumentou o prefeito. Colbert Martins lembrou que problemas de logística não ocorreram na Bahia até hoje, e que o Governo Federal determina a distribuição proporcional à população do Município. “Este princípio não pode ser alterado por decisão pessoal de ninguém. Privilegiar pessoas de um município não é ético, e é discriminar baianos e baianas de todos os 417 municípios da Bahia”, finalizou.

Histórico

2019
set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2018
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2017
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2016
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2015
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2014
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2013
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2012
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2011
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2010
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2009
dez | nov | out | set | ago | jul | jun | mai | abr | mar | fev | jan
2008
dez | nov